Global Legal Hackathon

DESCRIÇÃO DO EVENTO

Sobre o #GLH

O Global Legal Hackathon é uma iniciativa mundial que envolve faculdades de Direito, escritórios de advocacia e departamentos jurídicos internos, empresas de tecnologia jurídica, governos e provedores de serviços para o setor jurídico em 6 continentes.

Participantes de todas as origens e indústrias são bem-vindos nessa maratona de tecnologia, contudo, devem possuir o mesmo desejo comum: o de desenvolver soluções tecnológicas para o setor jurídico.

A competição irá ocorrer também em mais de 25 países, no final de semana de 22 a 24 de fevereiro.

Além de Porto Alegre, outras cidades brasileiras também participam da iniciativa, a exemplo de Florianópolis, Curitiba e Belo Horizonte. Em cada um desses locais, os participantes devem formar equipes, muitas das quais vão trabalhar juntas pela primeira vez.

O evento está sendo oganizado pelo Lini e Pandolfi Advogados, juntamente com a Fundação do Ministério Público. Além disso, conta o com apoio do Legal Hackers Porto Alegre e da Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs, e possuir patrocínio de empresas que já promovem soluções jurídicas, como Nós8, Brizola e Japur Administração Jurídica, Judice Office Gestão de escritórios e GustavoRocha.com gestão, teconologia e marketing.

Como vai funcionar?

Os times irão receber mentoria de profissionais durante todo fim de semana. O objetivo é que as ideias dos integrantes dos times passe da fase de ideação para o desenvolvimento de soluções tecnológicas que afetam a prática, os negócios e a prestação de serviços jurídicos.

A competição é dividida em 3 fases.:

  • A primeira etapa é julgada localmente e somente uma equipe de cada cidade avança para a semifinal.
  • A segunda etapa e semifinal é virtual, e será feita a partir de apresentação de um vídeo referente à solução desenvolvida na primeira fase. Após nova avaliação, 14 times e terá o resultado divulgado no dia 25 de março.
  • A grande final será ao vivo, em Nova York, no dia 4 de maio, para um seleto grupo de juízes que vai escolher apenas 4 equipes vencedoras.


Perfil dos paricipantes:

A maratona espera reunir representantes de escritórios de advocacia, advogados autônomos, profissionais da área de TI, empreendedores e estudantes com um único propósito: desenvolver soluções tecnológicas para o progresso do setor jurídico.


Desta foma, voce poderá se increver entre as três categorias:

  • Profissionais do direito
  • Profissionais de TI
  • Profissionais em geral, marketing, empreendedores, administradores, etc.

Você não precisa entender de tecnologia para participar. Basta ter uma ideia de solução para o mundo jurídico!

O que é preciso levar?

Só o indispensável, como

  • Disposição
  • Criatividade
  • Notebook (Não seria um evento de inovação se não houvesse a tecnologia, não é mesmo?!)
  • Carregadores
  • Cabos de energia, adaptadores de tomada e tudo que você julgue necessário para manter suas ferramentas à todo vapor!!

Você é da área jurídica, profissional de TI, designer, empreendedor ou estudante e possui uma ideia que irá facilitar o mundo jurídico?

Se sim, monte a sua equipe  e venha para o #GLH2019 !

Queremos conhecer o seu projeto inovador para melhorar a prestação dos serviços jurídicos e o acesso à justiça!

Corre! Os ingressos são limitados!

TERMO DE CONSENTIMENTO PARA COMPETIÇÃO GLOBAL LEGAL HACKATHON 2019 – PRIMEIRA ETAPA – PORTO ALEGRE/RS

O Global Legal Hackathon é uma competição de habilidades promovida pelo Global Legal Hackathon Inc., denominado Promotor, para o desenvolvimento ágil de soluções para melhoria do setor jurídico em todo o mundo.

A competição, os participantes/candidatos e os projetos, incluindo os códigos, estão sujeitos e regidos pelos Termos de Serviço do Promotor, pela Política de Privacidade e pelo presente Termo de Consentimento que segue.

Atenção!!  A aceitação das regras oficiais encontradas no link abaixo é condição para a sua participação no Hackathon e para dar consentimento ao presente termo. Leia com muito cuidado!

https://s3.amazonaws.com/helpscout.net/docs/assets/5a5d0f9a042863193800ff6a/attachments/5c4a2aa2042863543ccc3386/2019-GLH-Official-Rules.pdf

Regras:

– O Hackathon acontecerá em três fases: local, online e internacional. As regras oficiais são pré estabelecidas pela organização internacional do evento. A organização local é responsável apenas pela condução da primeira rodada do evento;

– A inscrição deverá ser feita em duas etapas: 1ª) inscrição perante a organização local, mediante pagamento da taxa de inscrição e dentro do limite de vagas; 2ª) inscrição na plataforma mundial do evento neste link: https://glh.hivebrite.com/topics/9757/home ;

– É de responsabilidade exclusiva dos participantes/candidatos as despesas de cunho pessoal para a participação no Hackathon, tais como passagens, deslocamento, hospedagem e alimentação, tanto para a fase local quanto para a fase internacional;

– É de responsabilidade exclusiva dos participantes/candidatos levar nas datas da competição todo o material necessário para participar da competição, tais como computadores, telefones, entre outros;

– É de responsabilidade da organização na etapa local disponibilizar acesso à internet e à energia elétrica, salvo caso fortuito/força maior.

– Os projetos das equipes poderão ser apresentados em português apenas na primeira rodada ou etapa local. Para as demais etapas, on-line e internacional, todo o material e as apresentações devem ser realizados em inglês.

– Os projetos apresentados pelas equipes não poderão ter sido apresentados e/ou premiados em competições anteriores;

– Não é permitida a utilização de programação que não tenha sido realizada durante o evento, salvo no caso de códigos abertos e disponíveis a todos;

– Para participação no Hackathon é imprescindível a concessão do  direito de uso da sua imagem e a permissão para publicidade doprojeto desenvolvido para as organizações local e internacional – afinal, a exposição do projeto é um dos principais benefícios do Hackathon;

– A participação no Hackathon implica a concessão do direito de uso gratuito do seu projeto para teste e avaliação pelas organizações local e internacional;

– Dúvidas sobre as regras oficiais serão resolvidas pela organização local durante a primeira etapa e pela organização internacional com relação às segunda e terceira etapas;.

– A aceitação das  regras oficiais implica a aceitação de que  eventuais demandas serão resolvidas por arbitragem em Denver, Colorado, nos Estados Unidos.

Ao se increver, o participante declara a sua ciência e concordância tanto com as regras oficiais encontradas no link:

https://s3.amazonaws.com/helpscout.net/docs/assets/5a5d0f9a042863193800ff6a/attachments/5c4a2aa2042863543ccc3386/2019-GLH-Official-Rules.pdf, quanto com o inteiro teor do presente termo de adesão.

Acesse o conteúdo completo em https://www.sympla.com.br/global-legal-hackathon—porto-alegre__453046

Categoria Eventos
Compartilhar :