#GRAnaMídia

O que é uma eleição majoritária e para quais cargos ela vale

domingo, 25 de setembro de 2022
Por Gabriela Rollemberg Advocacia

Fonte: OESTE

Desde quando foi promulgada, no dia 5 de outubro de 1988, a Constituição Federal em vigor, também conhecida como “Constituição Cidadã”, determina que o sistema eleitoral do Brasil seja heterogêneo, isto é, majoritário e proporcional.

Apesar de soar complexo, a advogada Janaina Rolemberg, do escritório Gabriela Rollemberg Advocacia, em Brasília, explica a Oeste que a escolha dos sistemas eleitorais são definidos conforme as peculiaridades de cada país.

“No caso do Brasil, a justificativa para adoção de um sistema misto se dá na proteção da democracia representativa, uma vez que o eleitor tem o direito ao voto direto, no caso das eleições majoritárias, bem como ao voto ideológico, nos partidos políticos em que entende ser mais bem representado, no caso das eleições proporcionais”, afirma Janaina.

No entanto, não são todos os eleitores brasileiros que entendem a complexidade do sistema político nacional. E a tendência é que essa falta de conhecimento sobre o assunto cresça cada vez mais. “Não existe um sistema eleitoral perfeito ou unânime, que satisfaça todos os cidadãos”, esclarece a advogada.

Segundo um estudo elaborado pelo Instituto DataSenado, o desinteresse geral por política entre os cidadãos é impulsionado especialmente pela falta de compreensão sobre o sistema político, atrelado a deficiências no ensino, que não transmite informações sobre o tema de forma clara. Por isso, a Revista Oeste esclarece aos leitores o funcionamento do sistema misto eleitoral, as diferenças entre as eleições majoritária e proporcional e os cargos que cada uma elege.

 

Categoria(s): 

#GRAinforma

Notícias relacionados

sáb, 30 de abril de 2016

Inelegibilidade por prestação de contas é tema de palestra no Congresso Nacional de Direito Eleitoral

Um dos principais motivos que tem levado a Justiça Eleitoral a tornar inelegíveis candidatos a prefeitos e vereadores em todo […]
Ler mais...
ter, 27 de junho de 2017

TSE irá julgar processo do prefeito de Senador Canedo condenado por improbidade administrativa

Sobre a hipótese de ter doado um terreno no valor de R$ 3,8 milhões para uma empresa, o prefeito de […]
Ler mais...
ter, 15 de março de 2022

Eleições 2022: Especialistas apontam que as novas regras eleitorais trazem mudanças significativas

Fonte: Brasilianista A sete meses das eleições, os partidos políticos se preparam para as novas regras eleitorais promulgadas pelo Congresso Nacional, […]
Ler mais...
sex, 19 de agosto de 2022

Candidatura de ex de Bolsonaro é contestada com denúncia de omissão de bens

Fonte: UOL A candidatura a deputada distrital da advogada Ana Cristina Valle (PP-DF), segunda ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, foi […]
Ler mais...
cross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram